Impresso em: 24/09/2018 20:40:25
Fonte: http://www.ecosdotocantins.com.br/noticia.php?l=763beb79ac47d00f54a6fe3b7a988e0e

Exportações de carne e derivados do Tocantins caem 1,82% no primeiro trimestre; vendas somaram US$ 33,43 milhões

13/04/2018 10:18:49

Secom - TO
Hong Kong, região administrativa especial da China, lidera com 39,45% das exportações

DANIEL MACHADO
DE PALMAS (TO)

As exportações de carne e derivados recuaram 1,82% no primeiro trimestre desde ano na comparação com o mesmo período do ano passado. Ao todo, foram comercializados aos exterior US$ 33,43 milhões (R$ 113,99 milhões na cotação de terça-feira, 10 de abril) de janeiro a março deste ano, contra US$ 34,05 milhões no mesmo período do ano passado.
Em valores absolutos, a diferença foi US$ 620 mil (R$ 211 mil).

Os números foram apurados pelo Norte Agropecuário no Alice Web, maior banco de dados de informações sobre transações comerciais do Mercosul. No Brasil, o sistema é administrado pelo Ministério da Indústria e Comércio Exterior.

Na quantidade de quilos de carne e derivados exportados, há variação para cima, com 9,65 milhões no primeiro trimestre de 2018, 104 mil quilos a mais do que no mesmo período de 2017. Isso quer dizer que enquanto os produtores do Tocantins conseguiram receber R$ 12,16 por quilo de carne e derivado vendido ao exterior no primeiro trimestres do ano passado, o valor para R$ 11,81 de janeiro a março deste ano.

OS PAÍSES

Com 39,45%, o que representa US$ 13,19 milhões do total de carne e derivados comprados do Tocantins, Hong Kong, região administrativa da China, lidera a exportação desse tipo de produto do Estado. Na segundo colocação está o Egito, com US$ 5,81 milhões e a Jordânia com US$ 3,07 milhões na terceira posição. Argélia, Chile, Emirados Árabes e Líbano vêm na sequência.

Norte Agropecuário