Pium, quarta 22 de novembro de 2017

Agronegócios

Plantio de soja no Matopiba atinge 10% da área prevista; em todo o Brasil o percentual é de 57%, aponta levantamento da AgRural

14/11/2017 15h22

web Plantio acelerado no Brasil em razão do aumento das condições de umidade

Em ritmo acelerado, avanço de 14 pontos porcentuais no plantio sobre os 43% observados em 2 de novembro é o maior registrado até agora nesta safra e foi favorecido pela melhora das condições de umidade na maioria dos Estados produtores.

Dados da consultoria AgRural apontam que até o final da semana passada 57% da área prevista para ser plantada por sojicultores já estava semeada no País. Na fronteira agrícola do Matopiba, as condições foram predominantemente favoráveis ao plantio durante a semana passada. Na quinta-feira, 9, a área plantada chegou a 10% no Maranhão, 7% no Tocantins, 3% no Piauí e 15% na Bahia.

A AgRural estima a produção brasileira de soja em 110,2 milhões de toneladas. A consultoria revelou que vai revisar os números na virada de novembro para dezembro, quando os Estados que plantam mais cedo já terão a linha de tendência de produtividade substituída por estimativas de rendimento que reflitam os efeitos do clima sobre as lavouras.

Conforme a AgRural, o plantio da safra 2017/2018 avançou em ritmo acelerado naquela semana. O avanço semanal, de 14 pontos porcentuais sobre os 43% observados em 2 de novembro, é o maior registrado até agora nesta safra e foi favorecido pela melhora das condições de umidade na maioria dos Estados produtores. Agora o plantio supera ligeiramente a média de cinco anos (56%). Em igual período do ano passado, a semeadura havia sido concluída em 63% da área.

Segundo a AgRural, o avanço nesta semana foi puxado pelo Centro-Oeste, onde o plantio aumentou 17 pontos porcentuais em sete dias. Contudo, a região tem alguns problemas em consequência da irregularidade das chuvas em outubro, especialmente em Mato Grosso e Goiás, onde algumas lavouras têm estande irregular, com possível efeito negativo sobre a produtividade, conforme a consultoria. Mato Grosso do Sul tem 91% da área já semeada. Em seguida vêm Mato Grosso, com 79%, e Goiás, com 53%.

No Sul do país, o Paraná tem 80% do plantio concluído. “A previsão de tempo mais quente e seco na próxima semana é bem-vinda no Estado, pois as temperaturas relativamente baixas e o céu constantemente encoberto das últimas semanas já causam certa preocupação entre os produtores, que temem alongamento do ciclo das lavouras”, afirmou a consultoria. Em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, 44% e 31% da área está semeada, respectivamente.

No Sudeste, o aumento da umidade do solo fez o plantio avançar rapidamente, segundo a AgRural. Em Minas Gerais, a área plantada saltou de 7% para 25%. O Estado ainda tem pontos secos, que devem ser beneficiados pelas chuvas previstas para os próximos dias. Em São Paulo, 63% da área está plantada.

Norte Agropecuário



(Com informações da AgRural e Dinheiro Rural)

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.
Jornal Ecos do Tocantins    |    Contato: trajanocoelho@gmail.com    |    (63) 98444-2993